Pages

29 de março de 2010

A vida só terá sentido se um amigo você tiver.


"De que matéria e substância é feito um amigo? Como pode um estranho equiparar-se a nosso pai e a nossa mãe, até mesmo sobrepujá-los em lealdade e dedicação?

Que amálgama une um amigo a outro? Em que mistura de elementos se alicerça afinal uma amizade?

Não há dúvida de que a amizade suplanta o amor por não correr o risco de ser efêmera.

É essa perenidade que diferencia a amizade do amor e a faz mais nobre que o amor.

Quando cessarem todos os recursos, quando ficar de prontidão a voz dos necrológios para gritar que você morreu, ainda restará na última cidadela de proteção um amigo.

O amigo é o mais sólido, o mais imarcescível abrigo contra a solidão devastadora.

O grande óbice ao desespero é um amigo, o único obstáculo ao suicídio é um amigo.

Por que ele é amigo, não se saberia dizer. É amigo como um cão fiel, sem motivo, trata-se de uma simples escolha.

Há pessoas que nasceram para ser amigos. É da sua natureza ajudar, amparar, estar ao lado, construir, velar, mourejar em pura amizade.

O amor também se diferencia da amizade porque esta é absolutamente desinteressada.

O amigo ajuda o outro amigo porque esta é a sua missão, a de dar sentido à vida do outro.

No amor, um dos amantes ama o outro porque a felicidade do outro fá-lo lucrar.

Na amizade, um amigo ajuda o outro sem lucrar nada, apenas para ajudar, amparar, diligenciar.

Mil vezes, se eu tiver de escolher, preferiria ter um grande amigo a um grande amor.

E, se eu tiver um grande amor, ele sobreviverá aos tempos e se tornará perpétuo só no caso de que ele se transforme em uma grande amizade.

O amor é temporal, a amizade é eterna.

Se me faltarem todas as forças, se todos os elementos que me mantêm erguido soçobrarem, ainda assim permaneço em vida e prossegue acesa no meu coração a chama da esperança, se um amigo existir.

A vida só pode cessar quando faltar um amigo. Um amigo é infinitamente mais útil que a riqueza, o luxo, a fartura e a ostentação.

O maior tesouro da vida é um amigo.

A maior e mais importante desgraça é a falta de um amigo.

Cultive um amigo, se é que se possa cultivá-lo, se é que essa atração que o move não seja simplesmente natural e espontânea.

Agradeça ao seu amigo, embora ele exista independentemente de qualquer agradecimento ou homenagem. Quando se dedica, não está em busca de gratidão, ele só é amigo porque é da sua vocação telúrica a amizade.

Procure saber se você tem, no seu círculo de amizades, um amigo.

Se o tiver, só assim a vida terá sentido."

Paulo Sant'Ana, publicado no jornal gaúcho Zero Hora do dia 11 de março de 2010.

Dedico aos amigos que fazem da minha vida um dos sentidos para evoluir, aprender, enfim bem viver, cada segundo. Meu eterno agradecimento por compartilhar cada momento, palavras, ações, carinhos... Pelo amor e compreensão incondicionais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário no Mundo Bicho Grilo!
Acione o botão "Notifique-me" para você receber a mensagem com a minha resposta!